Cidades do Circuito das Frutas articulam Plano Regional de Turismo
19 de fevereiro de 2021 | 14h13

Cidades do Circuito das Frutas articulam Plano Regional de Turismo

Destaque do Plano é a estruturação de uma ciclovia ligando as 10 cidades que compõem o polo, promovendo a fruticultura como vetor de desenvolvimento do turismo

Na manhã de ontem (18), representantes das 10 cidades que compõem o Consórcio Intermunicipal para Desenvolvimento do Polo Turístico do Circuito das Frutas se reuniram para apresentação do Plano de Turismo a ser implementado em 2021, que prevê investimentos de mais de R$ 1 milhão. A reunião aconteceu de forma virtual e contou com a participação do secretário de Turismo de Atibaia, Bruno Perrota Leal, um dos integrantes do Grupo de Trabalho responsável por formular, planejar e desenvolver projetos e parcerias que promovam a fruticultura como vetor de desenvolvimento do turismo regional.

Criado oficialmente em 2008, o Circuito das Frutas é formado pelos municípios de Atibaia, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo, cidades com tradição no cultivo de frutas que oferecem aos visitantes, além de belas paisagens e contato com a natureza, uma boa e diversificada infraestrutura hoteleira e gastronômica. A aposta do Plano para alavancar a retomada do turismo em 2021 é a estruturação de uma ciclovia integrando as 10 cidades que compõem o polo turístico, de forma a valorizar e agregar valor ao turismo rural da região.

O consórcio intermunicipal é comandado por um conselho formado pelos prefeitos dos municípios associados e assessorado por um Grupo de Trabalho composto por representantes das secretarias e conselhos municipais de agricultura e turismo, além de entidades empresariais locais, reunindo-se periodicamente para discutir investimentos, parcerias e eventos para as cidades que constituem o Circuito. Com o objetivo de desenvolver projetos que incrementem o potencial econômico dos municípios participantes e também colaborar com a preservação da cultura regional, o consórcio ajuda a trazer mais visibilidade e recursos, promovendo a troca de experiências e resultando em roteiros turísticos memoráveis.

print