"
Tempo seco prolongado: saiba como agir durante a crise hídrica
15 de setembro de 2021 | 12h03

Tempo seco prolongado: saiba como agir durante a crise hídrica

Prefeitura de Atibaia e SAAE enfatizam necessidade de economizar água e de medidas de precaução

Desde junho, a região de Atibaia sofre com o tempo seco. São muitos dias com escassez de chuva, o que tem gerado uma crise hídrica não só no Estado de São Paulo como em outras regiões do país. Atentas a essa questão, a Prefeitura e a Saneamento Ambiental Atibaia (SAAE) reiteram a importância de economizar água e destacam outras medidas para amenizar os efeitos do tempo seco prolongado.

Com o baixo índice de chuvas, o volume de água do Rio Atibaia, que abastece grande parte do município, vem diminuindo gradativamente. O Córrego do Onofre, manancial que mais vem sofrendo com a estiagem, teve uma significativa redução de vazão nas últimas semanas e está praticamente restrito à captação. Apesar de menor, é de suma importância para o abastecimento do município, pois supre cerca de 25% da população.

Durante o período de seca, é importante a população se precaver em caso de possível falta de água e ao mesmo tempo cuidar da saúde. Outra preocupação é na forma como as famílias armazenam a água da chuva. Deixar em baldes ou recipientes abertos pode ser um perigo no combate a doenças como a dengue.

Confira algumas dicas para passar pelo período de seca sem complicações:
– Instale caixa de reservação com garantia de abastecimento mínimo de 24 horas. Ela garante autonomia em casos de interrupção por manutenção ou qualquer eventualidade;

– Distribua as tarefas que consomem água durante a semana, evitando sobrecarga de consumo, principalmente nos finais de semana;

– Reutilize água da máquina para lavar o quintal e outras tarefas afins;

– Tome banhos curtos e evite deixar a torneira aberta desnecessariamente;

– Preste atenção e conserte eventuais vazamentos na sua casa;

– Adote dispositivos que ajudam na redução do consumo de água, como o arejador de torneiras, o restritor de vazão, bacias sanitárias VDR e válvulas automáticas para mictórios;

– Pode as plantas: isso pode ajudar a reduzir o consumo de água delas.

print