1º Encontro Regional da Pessoa com Deficiência ocorrerá em Atibaia
21 de janeiro de 2022 | 18h21

1º Encontro Regional da Pessoa com Deficiência ocorrerá em Atibaia

Evento no dia 26 de janeiro no Cine Itá terá também a posse dos eleitos e indicados ao Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD)

Na próxima quarta-feira, 26 de janeiro, serão realizados em Atibaia a posse dos conselheiros eleitos e indicados ao Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD) e o 1º Encontro Regional da Pessoa com Deficiência, no Cine Itá Cultural.

O evento “Inclusão mais perto” tem como objetivo levar informações e políticas públicas voltadas para o atendimento da pessoa com deficiência para as cidades de Atibaia, Bragança Paulista, Mairiporã, Bom Jesus dos Perdões, Nazaré Paulista, Piracaia, Joanópolis e Vargem.

O evento terá início a partir das 8h30, com a recepção dos conselheiros, autoridades e público em geral, e depois ocorre a posse dos conselheiros do CMPD. Na sequência, às 10h, começará o Encontro Regional da Pessoa com Deficiência. Estão previstas as presenças de várias autoridades municipais e estaduais, entre elas: o prefeito de Atibaia, Emil Ono; a secretária municipal de Assistência Social, Magali Basile; a secretária estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, além de Bia Dória, primeira-dama do Governo do Estado de São Paulo.

As inscrições para o evento podem ser feitas pelo link https://forms.gle/UmZcuSvwEvqcHTR89 . É obrigatória apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid-19, e o evento cumprirá os protocolos de saúde, incluindo uso de máscara, distanciamento social e disponibilização de álcool em gel.

A Prefeitura de Atibaia tem conferido atenção especial às pessoas com deficiência. No ano passado, por meio da Secretaria e Assistência e Desenvolvimento Social, criou um sistema de mapeamento das pessoas com deficiência na cidade, com o objetivo de planejar ações voltadas aos desafios encontrados no dia a dia e melhorias dos serviços públicos. Essas ações proporcionarão às famílias mais autonomia, visibilidade, dignidade, respeito e garantia de direitos.

print