Atibaia terá Fórum Permanente de discussão sobre violência de gênero
25 de Fevereiro de 2019 | 13h47

Atibaia terá Fórum Permanente de discussão sobre violência de gênero

Encontro foi viabilizado durante curso de capacitação em atendimento
a mulheres vítimas de violência oferecido pela Prefeitura

Na última quinta-feira (21) a Prefeitura da Estância de Atibaia promoveu uma capacitação em atendimento a mulheres vítimas de violência de gênero direcionado para a rede socioassistencial da cidade. Durante o encontro também foi viabilizado um Fórum Permanente para discussão do tema no município.

A capacitação, com o tema “Repactuar o trabalho em rede no atendimento à mulher vítima de violência de gênero em Atibaia” foi ministrada pela assistente social Maria Elisa Braga dos Santos, referência na área como a primeira coordenadora do Centro de Referência da Mulher “Casa Eliane de Grammont”, em São Paulo – o primeiro centro de atendimento à mulher vítima de violência de gênero do país. Ao todo, cerca de 60 pessoas participaram do curso realizado no Centro de Formação Profissional II, no Alvinópolis.

Capacitação Coordenadoria da Mulher

No período da manhã, servidores municipais que atuam em Unidades Básicas de Saúde, Unidades de Saúde da Família, Centros de Referência de Assistência Social, no Centro de Referência Especializado de Assistência Social, além de profissionais e estudantes de psicologia, representantes da Polícia Civil e da Guarda Civil Municipal e grupos da sociedade civil receberam orientações sobre o atendimento unificado às vítimas de violência de gênero, a fim de garantir melhor assistência.

Já no período da tarde foi a vez da equipe da Coordenadoria Especial da Mulher de Atibaia receber o curso de capacitação para aprimorar o atendimento realizado no Centro de Referência da Mulher (CRM) “Dirce Bellingeri” e também as atividades do Programa Bem-Estar Mulher (em parceria com a OSC Mater Dei Cam), desenvolvido nos bairros de Atibaia.

Capacitação Coordenadoria da Mulher

Segundo a Coordenadoria, durante o curso foi ressaltada a importância e a necessidade do trabalho em rede neste tipo de atendimento como forma de incentivar ainda mais o enfrentamento à violência contra a mulher. Diante disso, a Coordenadoria criou um Fórum Permanente para discutir e atualizar o tema constantemente – que terá a primeira reunião em março, com apresentação do atendimento realizado na Delegacia da Mulher.

Em caso de violência, as mulheres podem procurar ajuda no CRM de Atibaia, por meio do telefone (11) 4402-2716, ou pessoalmente, na Rua Albertina Miele Pires, nº 161, Jardim Brasil, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h; e no “Espaço Mulher”, na delegacia, localizada na Rua Alfredo André, nº 175, também no Jardim Brasil.

Modo Texto