Prefeitura de Atibaia cria lei para utilização de fundos municipais contra o Coronavírus
27 de março de 2020 | 14h44

Prefeitura de Atibaia cria lei para utilização de fundos municipais contra o Coronavírus

Projeto de Lei foi aprovado pela Câmara Municipal nesta quinta-feira (26)
e agora segue para sanção do prefeito

A Prefeitura da Estância de Atibaia enviou, nesta quinta-feira (26), um Projeto de Lei para discussão e votação na Câmara Municipal que estabelece normas de finanças públicas voltadas à desvinculação de receitas de fundos municipais para o enfrentamento das condições de crise geradas pela pandemia de Coronavírus. O projeto elaborado pelo Executivo foi aprovado por unanimidade pelos vereadores em sessão extraordinária e agora segue para sanção do prefeito Saulo Pedroso de Souza.

Com essa lei em vigor a Prefeitura poderá utilizar os recursos dos principais fundos municipais – como os fundos de Cultura, de Turismo, de Meio Ambiente e de Melhoramento Urbano – para adoção de medidas temporárias e emergenciais de combate ao Coronavírus.

Na justificativa apresentada ao Legislativo, a Administração Municipal ressalta serem necessárias normas específicas, com efeitos excepcionais, que garantam a Atibaia recursos financeiros suficientes para fazer frente, de forma rápida e eficaz, às necessidades urgentes da população no atual contexto, de redução das expectativas de arrecadação.

Em consonância com as medidas já adotadas pela Prefeitura até o momento – como a criação do Plano de Contingência e do Centro de Operações de Emergências COVID-19 (COE), entre outras ações emergenciais – a nova legislação permitirá a transposição de recursos de fundos criados por leis municipais, arrecadados em 2020 e anos anteriores, para o Tesouro Municipal. A medida proporciona maior flexibilidade no emprego desses recursos públicos arrecadados, como o financiamento de ações necessárias para o enfrentamento do Coronavírus e de seus efeitos sobre a economia da cidade.

Modo Texto