Comércios voltarão a funcionar aos finais de semana e restaurantes têm horário estendido durante a semana
5 de fevereiro de 2021 | 10h55

Comércios voltarão a funcionar aos finais de semana e restaurantes têm horário estendido durante a semana

Desde a última quinta-feira, os estabelecimentos passaram a atender presencialmente até as 21h, com tolerância de 60 minutos para os clientes concluírem o consumo no local

A Prefeitura publicou um novo Decreto (9.454/21) na última quinta-feira (4), flexibilizando o horário de funcionamento para o comércio de Atibaia, incluindo bares, restaurantes, lojas, prestadores de serviço, academias, entre outros. Confira as normas por setor.

Os bares, restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniências, cafés e similares poderão atender presencialmente até as 21h, com tolerância de permanência até às 22h para atendimento de clientes que estão consumindo no local, mantendo 50% da capacidade de atendimento e limite de seis pessoas por mesa. Após esse horário, poderão manter o funcionamento interno, com entrega, drive-thru, retirada ou atendimento on-line.

O Governo do Estado de São Paulo também autorizou o funcionamento de atividades comerciais no fim de semana nas regiões em que estão na fase laranja do Plano São Paulo. Lojas e prestadores de serviço poderão ter atendimento presencial até as 22h, limitado a 50% de sua capacidade. Os estabelecimentos devem se atentar à organização do fluxo de entrada e saída de pessoas para evitar aglomerações, inclusive na área externa.

Academias estão liberadas até as 22 horas, limitada a quantidade de clientes/alunos a, no máximo, 50% da capacidade do estabelecimento. Também é obrigatória a organização dos alunos em grupos de horários, de maneira que haja um intervalo de, no mínimo, 15 minutos entre um e outro, para limpeza geral e desinfecção dos equipamentos, além de disponibilizar kits de higienização dos equipamentos.

Jogo de futebol em campos ou quadras desportivas, buffet e similares, cinemas e o funcionamento de brinquedos infláveis também será até as 22h, com capacidade limite de 50%. Já as feiras livres, diurna e noturna, poderão funcionar até as 21h, seguindo todos os protocolos de higiene, sob orientação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SEDEC).

As atividades religiosas e hotéis, pousadas e similares deverão respeitar o limite de 50% de sua capacidade, seguindo todos os protocolos sanitários. Também está autorizado o funcionamento do Lago do Major, do Teleférico, e do Parque Municipal Edmundo Zanoni, inclusive as suas atividades internas, exceto o museu de História Natural Prof. Antônio Pergola.

print