Testes para COVID-19 em Atibaia seguem orientação do Ministério da Saúde
3 de junho de 2020 | 14h30

Testes para COVID-19 em Atibaia seguem orientação do Ministério da Saúde

Governo Federal destinou 3.000 testes ao município para atendimento a grupos prioritários: profissionais de saúde, de segurança pública e idosos

No dia 5 de maio a Prefeitura da Estância de Atibaia iniciou a aplicação de testes rápidos para detecção de COVID-19 recebidos do Ministério da Saúde. O Governo Federal destinou, em duas remessas (de 1.300 e de 1.700), um total de 3.000 testes, distribuídos nas unidades de saúde do município para utilização conforme orientações do próprio Ministério da Saúde, em situações especificadas (apresentação de sintomas, entre outras) e em atendimento a grupos prioritários: profissionais de saúde e familiares em mesma residência; agentes de segurança pública e familiares em mesma residência; e idosos. A medida objetiva garantir o diagnóstico àqueles que atuam na linha de frente contra o Coronavírus, inclusive possibilitando que retornem às atividades de forma segura, além de preservar os mais vulneráveis à doença.

De acordo com a Secretaria de Saúde, os testes buscam o diagnóstico em casos não graves desses grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde, uma vez que casos graves (que apresentam falta de ar e comprometimento extenso dos pulmões, necessitando internação) devem procurar atendimento em hospitais, onde serão devidamente avaliados e tratados.

Conforme a Secretaria de Saúde, os testes disponibilizados pelo Governo Federal devem ser realizados em casos que apresentaram sintomas da COVID-19 após a “janela imunológica” – intervalo de tempo em que o exame dá negativo porque a quantidade de anticorpos é pequena. A produção dos anticorpos ocorre a partir do 8º dia após início dos sintomas, estando mais alta por volta do 17º dia, momento mais oportuno para confirmar o diagnóstico. O paciente deve estar há 72 horas assintomático para evitar o risco de transmissão viral.

Testes para COVID-19 em Atibaia seguem orientação do Ministério da Saúde

É importante ressaltar que em Atibaia, desde o dia 20 de março, os profissionais de saúde já contavam com acesso ao exame PCR para detecção de COVID-19. De acordo com a Secretaria de Saúde, todo profissional de saúde que apresentar pelo menos dois sintomas pode procurar uma unidade de saúde da Atenção Básica, hospital ou a Unidade de Pronto Atendimento – UPA para diagnóstico. Ainda segundo a Pasta, os profissionais de saúde do município com sintomas de COVID-19 estão orientados a relatar o quadro clínico e a coletar a amostra, com respectiva notificação em sistema e afastamento do profissional por 14 dias.

Segundo o Ministério da Saúde, a ampliação da testagem para outros grupos da população irá depender da evolução da pandemia no Brasil, cabendo novas recomendações conforme o caso.

Modo Texto