Atibaia inicia testes rápidos para Coronavírus em asilos e casas de repouso
28 de maio de 2020 | 17h10

Atibaia inicia testes rápidos para Coronavírus em asilos e casas de repouso

Secretaria Municipal de Saúde irá realizar cerca de 400 testes nas 23 instituições de longa permanência para idosos de Atibaia

A partir de quinta-feira (28), a Prefeitura da Estância de Atibaia inicia a aplicação dos testes rápidos para Coronavírus nas instituições de longa permanência para idosos da cidade. A meta da Secretaria Municipal de Saúde é realizar cerca de 400 testes nos 23 asilos e casas de repouso governamentais e não governamentais estabelecidos em Atibaia. A Secretaria Municipal de Saúde recebeu mais 1700 testes rápidos do governo federal e decidiu ampliar a testagem, que já vem atendendo nas unidades básicas de saúde do município idosos, profissionais de saúde e segurança pública que tenham manifestado os sintomas da COVID-19.

Em idosos, os sintomas mais sugestivos da doença como febre ou sensação febril, tosse e/ou dor de garganta, coriza, dor no corpo e dificuldade de respirar, muitas vezes podem ser confundidos com sintomas de doenças de base e o quadro apresentado também pode ser menos típico, sem febre, mas com falta de apetite, queda do estado geral, desmaio, confusão mental, sonolência excessiva e irritabilidade. Procurando ampliar a cobertura dos grupos prioritários, a Prefeitura irá estender a aplicação dos testes rápidos a todos os idosos nas casas de repouso e asilos de Atibaia.

Atibaia inicia testes rápidos para Coronavírus em asilos e casas de repouso

Além dos trabalhadores das áreas de saúde e segurança pública, também passam a fazer parte do grupo prioritário para a realização dos testes rápidos os familiares desses profissionais que tenham apresentado os sintomas. O atendimento também será feito nas unidades básicas de saúde do município, que já aplicaram 30 testes até o momento, com 5 resultados positivos e 25 negativos. A Secretaria de Saúde informa que a aplicação dos testes rápidos tem priorizado os idosos, por sua maior vulnerabilidade à COVID-19, e os profissionais que estão cuidando da nossa saúde e segurança, para que possam receber o diagnóstico e retornar às suas atividades de forma segura.

Faça a sua parte no combate ao Coronavírus. Sempre que for necessário sair de casa, use máscara de proteção facial e álcool em gel para higienizar as mãos. Fuja das aglomerações e não se esqueça: “Sua Casa é a Sua Proteção”.

Modo Texto