Violência contra a pessoa idosa é tema de palestra nesta sexta-feira (14)
10 de junho de 2019 | 10h53

Violência contra a pessoa idosa é tema de palestra nesta sexta-feira (14)

Ação promovida pela Coordenadoria do Idoso da Prefeitura Municipal é aberta ao público

O Auditório do Hospital Novo recebe nesta sexta-feira (14), às 9h, a especialista em políticas públicas para idosos Elaine Moura. A palestra é aberta ao público e acontece como ação da Coordenadoria Especial do Idoso da Prefeitura da Estância de Atibaia para o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, instituído em 2006, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa.

Segundo o Ministério da Cidadania, dados levantados sobre a violação de direitos desta parcela da população, por meio do canal de denúncias Dique 100, revela que muitas vezes são reportados mais de um tipo de violência por denúncia. A maior frequência está na negligência, com 77% das denúncias; 51% por violência psicológica; 38% por abuso financeiro e econômico ou violência patrimonial e por fim, 26% por violência física e maus tratos.

Coordenadoria Especial do Idoso
Conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2031, a quantidade de idosos deve superar a de crianças e adolescentes de até 14 anos no Brasil. Em Atibaia, os idosos representam cerca de 13% da população atual, e para o suporte das necessidades e melhor qualidade de vida destas pessoas, a Coordenadoria Especial do Idoso desenvolve um amplo trabalho neste sentido.

Com ações voltadas para os mais diversos setores relacionados, a Coordenadoria atua como uma rede de apoio para a consolidação dos direitos e prevenção a situações de exclusão e violência ao idoso. Por meio do Centro de Convivência da Terceira Idade “Rosa Aparecida Panzone”, são desenvolvidas atividades, cursos, palestras e excursões. O roll de atividades compreende desde a parte física, com danças, tai chi chuan, estímulos cognitivos, yoga, passa por cursos sobre empregabilidade, prestação de serviços e inclusão digital, até prevenção de câncer bucal e outras abordagens relacionadas à saúde do corpo e da mente.

Neste ano, 98 atletas a partir de 60 anos formaram a maior delegação da história de Atibaia para os “Jogos Regionais do Idoso”. Além das relações sociais serem estimuladas, a convivência entre seus pares permite um aumento da autoestima e da sensação de pertencimento, tornando cidadãos mais ativos, plenos de seus direitos e menos sujeitos a situações de abuso e violência.

Modo Texto