Desde janeiro, Prefeitura já distribuiu mais de 6.580 cestas de alimentos
23 de abril de 2021 | 17h05

Desde janeiro, Prefeitura já distribuiu mais de 6.580 cestas de alimentos

Em meio à pandemia, Educação, Assistência Social e Fundo Social vêm trabalhando para garantir segurança alimentar da população em situação de vulnerabilidade

Em meio à pandemia de Covid-19, a Prefeitura da Estância de Atibaia não tem medido esforços para assegurar uma necessidade básica e fundamental, imprescindível para que se possa usufruir de todos os outros direitos sociais: o direito a uma alimentação adequada. As secretarias de Educação e de Assistência e Desenvolvimento Social e o Fundo Social de Solidariedade articularam uma rede de atendimento que têm procurado garantir, por meio de diversas ações, a segurança alimentar e nutricional da população em situação de vulnerabilidade socioeconômica do município. Para se ter uma ideia, se somarmos todas as iniciativas de janeiro a meados de abril deste ano, foram distribuídas cerca de 6.586 cestas de alimentos.

Buscando auxiliar as famílias que estão com dificuldades para assegurar condições mínimas de sobrevivência a enfrentar este período crítico que estamos vivendo, a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social reformulou e ampliou os canais de atendimento do Cadastro de Benefício Eventual (Alimentos) e, de 4 de janeiro a 14 de abril deste ano, haviam sido entregues 3.026 cestas de alimentos. A previsão da SADS é entregar mais 700 a 800 cestas até o fim deste mês, sendo que a demanda atual tem sido de 80 cestas por dia, em média.

Dentro dessa rede de apoio, reforçada para ajudar quem mais precisa a atravessar esse período difícil que estamos enfrentando, cabe destacar a captação das doações de alimentos e cestas básicas entre a população e empresas da cidade, trabalho desenvolvido pelo Fundo Social de Solidariedade. Com as arrecadações de alimentos promovidas pelo FSS desde janeiro, cerca de 555 cestas básicas foram repassadas às pessoas em situação de vulnerabilidade do município.

Desde janeiro, Prefeitura já distribuiu mais de 6.580 cestas de alimentos

Quem quiser colaborar com esse importante trabalho pode doar alimentos não perecíveis nos pontos de coleta do FSS espalhados pelas feiras livres do Centro, do Alvinópolis e do Caetetuba (veja os dias e locais aqui), contribuir com a campanha Vacina Contra a Fome – que transformou os postos de saúde em pontos de arrecadação – ou ainda procurar diretamente o Fundo Social de Solidariedade através do telefone 4412-8220.

Merenda escolar
Outra importante iniciativa dentro dessa rede de atendimento que foi articulada para garantir uma alimentação adequada à população em situação de vulnerabilidade socioeconômica é capitaneada pela Secretaria Municipal de Educação. Com a suspensão das aulas presenciais devido à pandemia, a Pasta organizou um esquema de distribuição de cestas de alimentos que vem garantindo a merenda dos estudantes de baixa renda da rede pública municipal de ensino.

Com o apoio da SADS, a Pasta realizou um levantamento no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) das famílias com crianças matriculadas nas escolas municipais que são beneficiárias do Programa Bolsa Família. As nutricionistas da Divisão de Alimentação e Nutrição da Secretaria de Educação compuseram uma cesta especial que procura garantir a segurança alimentar e nutricional das crianças neste período sem aulas e as famílias vão até a escola buscar as cestas adquiridas com recursos do Programa Municipal de Merenda Escolar.

Gradativamente, a Secretaria de Educação foi ajustando e ampliando essa lista e, somados os meses de fevereiro e março, já entregou mais de 3 mil cestas. As do mês de abril estão sendo entregues às famílias e a previsão é distribuir, até o fim da semana que vem, mais 1.980 cestas, atendendo a cerca de 2.600 estudantes da rede pública municipal

print