Maio Amarelo: Atibaia registrou 135 acidentes de trânsito em 2021
7 de maio de 2021 | 16h50

Maio Amarelo: Atibaia registrou 135 acidentes de trânsito em 2021

Segundo informações divulgadas pelo Infosiga SP, de janeiro a março de 2021 foram 135 acidentes com vítimas, 5 deles fatais

São 3 os fatores que podem ocasionar acidentes de trânsito: fator humano, automóvel e via. Especialistas e estudos sobre segurança no trânsito não hesitam em apontar o primeiro como a principal causa: a maioria dos acidentes poderia ser evitada se comportamentos mais responsáveis fossem adotados. Participante do movimento Maio Amarelo, uma iniciativa global de conscientização para redução dos acidentes de trânsito, a Prefeitura tem promovido neste mês uma campanha que procura estimular essa necessária mudança de comportamento, imprescindível para a redução do número de acidentes no município: apenas no primeiro trimestre deste ano foram registrados 135 acidentes, dos quais 5 foram fatais.

Os dados são do Infosiga SP, banco de dados do programa do governo do estado “Respeito à Vida”, que reúne informações de acidentes de diversas fontes, como Polícia Civil, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. Os dados sobre Atibaia apontam que, em comparação com o mesmo período do ano passado, houve redução de 24% no número de acidentes não fatais: foram 172 acidentes desse tipo em 2020. A redução pode ser relacionada à pandemia e à estratégia de isolamento social adotada para conter o avanço da Covid-19, mas outros fatores como as obras de duplicação da avenida Jeronimo de Camargo e a revitalização da alameda Prof. Lucas Nogueira Garcez, melhorias na sinalização horizontal e vertical, implantação de lombadas e lombofaixas nas vias de grande movimento da cidade também ajudam a explicar a diminuição.

Já em relação ao número de acidentes fatais, o primeiro trimestre de 2021 registrou uma morte a mais do que o mesmo período de 2020: foram 5 mortes este ano contra 4 de janeiro a março do ano passado. Somente no mês de março de 2021, foram 33 acidentes com vítimas, 1 deles fatal. O acidente ocorreu no dia 13 de março na Rua José Bueno da Cruz, no bairro do Portão e a vítima, de 53 anos, conduzia uma bicicleta. No mês de janeiro deste ano foram 2 acidentes fatais, um sem informação do local onde teria ocorrido e 1 no km 85 da rodovia Dom Pedro I. Os dois acidentes fatais do mês de fevereiro também ocorreram na Dom Pedro, nos km 84 e 85 da rodovia.

Com relação aos acidentes não fatais do mês de março deste ano, foram 11 colisões, 3 atropelamentos, 1 choque e 1 de outro tipo. Os demais não tiveram o tipo disponibilizado nos dados do perfil do acidente. Dos 32 acidentes não fatais registrados neste mês, 7 aconteceram em rodovias: 3 na rodovia Dom Pedro I (nos km 70, 75 e 77.6), 2 na rodovia Fernão Dias (nos km 29 e 36.4), 1 na rodovia estadual Edgard Máximo Zambotto e 1 na Rodovia SP-008 (Bragança Paulista-Socorro).

Acidentes em Atibaia
Dos acidentes que aconteceram em vias municipais, 1 não teve o local registrado, 3 aconteceram na Avenida Jeronimo de Camargo, 3 na Alameda Lucas Nogueira Garcez e os demais na Estrada dos Pires, nas avenidas Maria Alvim Soares, Brasil, Imperial, Professor Carlos Alberto Carvalho Pinto, Prefeito Antonio Julio T. Garcia Lopes, Joviano Alvim e nas ruas Clovis Soares, Eng. Silvio Alvim Soares, Maria Aparecida C Loreano, Marabas, Bico de Papagaio e José da Cunha Leite. No infomapa disponível no endereço http://painelderesultados.infosiga.sp.gov.br/mapa/ é possível consultar os locais onde aconteceram os acidentes e outros dados.

Em alguns locais há mais registros de acidentes, exigindo atenção redobrada dos motoristas, como as entradas da cidade nas avenidas Flávio Pires de Camargo e Jeronimo de Camargo e os seguintes cruzamentos: Av. Jeronimo de Camargo e Av. São João; Av. Industrial e Rua Buenos Aires; Av. Carvalho Pinto e Av. Joviano Alvim; Av. São João e Rua Benedito Almeida Bueno.

print