Volta às aulas na rede municipal está prevista para 1º de fevereiro em Atibaia
15 de janeiro de 2021 | 17h22

Volta às aulas na rede municipal está prevista para 1º de fevereiro em Atibaia

Retorno acontecerá em formato híbrido, mesclando atividades presenciais e remotas; Pais que preferirem poderão manter seus filhos em casa

Em conformidade com as determinações do Governo do Estado e respeitando todas as medidas sanitárias necessárias para garantir a segurança de alunos e seus familiares, as aulas na rede pública municipal de ensino de Atibaia têm previsão de retorno para o próximo dia 1º de fevereiro, em formato híbrido, mesclando atividades presenciais e remotas. O anúncio da data e do formato da volta às aulas no município aconteceu na quarta-feira (13), em pronunciamento do prefeito da Estância de Atibaia, Emil Ono, e da secretária de Educação, Prof.ª Eliane Doratiotto.

Na quarta-feira (13) o Governo Paulista também havia apresentado aos 645 municípios do Estado o planejamento para a volta às aulas presenciais na rede pública estadual a partir de 1º de fevereiro. O Estado autorizou a abertura das escolas em todas as fases do Plano São Paulo, obedecendo aos critérios de segurança estabelecidos pelo Centro de Contingência do Coronavírus.

Segundo o prefeito de Atibaia, o formato híbrido permite que seja cumprido o limite máximo de alunos em sala de aula, que é de até 70% para os ensinos Infantil, Fundamental e Médio, e de até 35% para o Ensino Superior, considerando a classificação da cidade na fase amarela do Plano São Paulo (status na manhã de sexta-feira, dia 15), e é um formato válido tanto para as escolas públicas quanto para as instituições privadas. O chefe do Executivo também fez questão de ressaltar que os pais que não se sentirem seguros poderão manter seus filhos em casa, apenas com as atividades remotas.

De acordo com a secretária de Educação, o retorno com os alunos será gradual e cauteloso, seguindo todas as normas de segurança determinadas pela Secretaria de Saúde, e com o objetivo de salvaguardar os direitos de aprendizagem a todos os alunos. Ainda segundo a Pasta, o planejamento inicial será de acolhimento dos profissionais da rede municipal, alunos e familiares, para que seja possível garantir um retorno às aulas responsável, minimizando os impactos causados pelo afastamento dos alunos do ambiente escolar. Além disso, antes da volta às aulas a Prefeitura também está realizando a testagem dos profissionais da Educação Municipal.

No pronunciamento à população, o prefeito salientou que desde o início da pandemia o Executivo adotou uma série de medidas para garantir a qualidade do ensino na cidade e buscou um equilíbrio – atuando no que cabe ao Poder Público para proteger a população e preservar vidas enquanto também mantém a atividade econômica aquecida para evitar grandes prejuízos para a economia da cidade.

O chefe do Executivo ainda destacou que a decisão pela volta às aulas aconteceu após muito trabalho, planejamento e preparação da Secretaria de Educação para que esse retorno aconteça de maneira responsável, e também convocou toda a população a cooperar, pois a iniciativa de cada um pode garantir a proteção de todos.

Vale lembrar que as medidas anunciadas em Atibaia poderão sofrer mudanças caso a classificação do município no plano São Paulo seja alterada pelo Estado com base no comportamento da pandemia na cidade e região.

print